Bagas e sementes – Superalimentos para a nossa saúde

Foto_sementes (640x373)

Hoje em dia, com a intenção de cada vez mais termos uma alimentação rica, equilibrada e variada, o consumo de sementes e bagas tem vindo a ganhar cada vez mais adeptos. São uma fonte de proteínas, minerais e vitaminas, com reconhecidas propriedades antioxidantes, diuréticas ou anti-inflamatórias. Muitas destas sementes são consideradas como verdadeiros superalimentos, tendo também um papel importante na redução e controlo do peso. Por serem extremamente ricas em fibras, as sementes favorecem a libertação de toxinas acumuladas no organismo através dos intestinos, combatendo a retenção de líquidos em excesso e consequentemente a diminuição e manutenção do peso corporal.

 

imagesJT6PD0BPQuinoa

Com origem na Cordilheira dos Andes, a quinoa é um alimento muito especial, com uma utilização semelhante ao cuscuz, devendo ser cozinhado da mesma forma, seguindo a regra de duas medidas de água para uma de Quinoa. É conhecida como a “rainha dos grãos”, uma vez que contém todos os aminoácidos essenciais que o corpo não consegue produzir por si. A quinoa é um excelente substituto do arroz, para acompanhar pratos de carne, de peixe ou de legumes. Nutricionalmente é de destacar o seu teor em proteínas, ferro, zinco e magnésio.

 

sem nomemmmLinhaça

Com origem na Ásia, as sementes de linhaça são uma das maiores fontes vegetais de ómega 3. Devido ao seu alto teor de fibras são aconselhadas para estimular a função intestinal, prevenindo igualmente o aparecimento do mau colesterol e o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. Muito utilizadas em receitas de pão, estas sementes devem ser consumidas trituradas para uma mais fácil digestão, em sopas, sumos, batidos e iogurtes, em doses nunca superiores a duas colheres de sopa por dia.

 

images5S330TXABagas Goji

Provenientes do noroeste da China e do Tibete, as bagas goji são um dos frutos mais ricos em nutrientes, tendo na sua composição nutricional 18 aminoácidos e 21 minerais. Consideradas como superalimento, estas bagas vermelhas e doces, de textura um pouco mais doce do que as passas de uva, estão normalmente associadas ao retardamento do envelhecimento, ao fortalecimento do sistema imunitário, ao  alívio da dor e á redução do colesterol, podendo ser consumidas com saladas, iogurtes, pão, bolos, ou simples.

 

imagesPFSMKBWQChia

Originárias do México onde eram utilizadas como alimento pelos povos das antigas civilizações da América Central, as sementes de chia são ricas em fibra, proteínas, antioxidantes, vitaminas, minerais e ómega 3. de sabor ligeiramente adocicado, estas sementes não necessitam de ser cozinhadas, podendo ser utilizadas diariamente em saladas, sopas, pão, bolos, sumos naturais e batidos.

 

images1557MMNTSésamo

Ricas em cálcio, fósforo, ferro e vitaminas do complexo B, as sementes de sésamo ajudam o trânsito intestinal e favorecem o bom funcionamento do sistema nervoso central, ao mesmo tempo que previnem o desenvolvimento das doenças ósseas. São normalmente usadas em receitas de pão, saladas e alimentos panados, entre carne, peixe e legumes, conferindo-lhes uma textura crocante.

imagesxxxxAbóbora – pevides

As sementes de abóbora, ou pevides como são mais conhecidas, contribuem para o bom funcionamento da próstata, tento também propriedades anti-inflamatórias, que tornam o PH do sangue mais alcalino. Ricas em vitaminas E e C, são também antioxidantes e diuréticas. Apesar de poderem ser consumidas cruas, nomeadamente como snack, quando cozinhadas no forno durante cerca de 20 minutos apenas como um pouco de sal, ganham ainda mais sabor.

 

One thought on “Bagas e sementes – Superalimentos para a nossa saúde

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *