Benefícios de consumir gengibre

Gengibre

O gengibre é uma raiz com numerosos benefícios, usada tradicionalmente por muitas culturas graças às suas propriedades curativas. Muitas delas são imprescindíveis para o bem-estar da mulher como, por exemplo, aumentar a libido durante a menopausa, prevenir as náuseas na gravidez ou acelerar o metabolismo em dietas de emagrecimento. Claro que é indicado para toda a gente, e não só para as mulheres, e eu adoro consumi-lo de diversas formas.gengibre-42680

O gengibre (Zingiber officinale) é  muito usado desde a antiguidade no Oriente e tem um sabor muito peculiar, ligeiramente doce, refrescante e um pouco picante.

A raiz de gengibre é composta por vitamina B6, assim como pelos minerais, potássio, magnésio e cobre, mas tais propriedades  tornam-se pouco relevantes tendo  em conta o consumo diário da planta. Como se trata de uma especiaria, bastam pequenas quantidades de gengibre no chá ou preparações culinárias para aromatizar as pratos.

Benefícios de consumir gengibre

O consumo habitual de gengibre  traz-nos muitos  benefícios:

Anti-inflamatório e analgésico natural: o gengibre é recomendado no tratamento natural de doenças inflamatórias e/ou dolorosas como a artrite, artrose, fibromialgia ou a fadiga crônica.

Digestivo: ajuda a tratar más digestões, gases, gastrite, úlceras gástricas, diarreia, etc. Funciona também como protetor do estômago  antes do consumo de álcool e medicamentos.

Aquece: o gengibre possui um alto potencial termogénico, tanto se usado externamente como internamente. É recomendado especialmente para as pessoas que sentem muito frio e para consumir mais no Inverno. Em épocas de calor,  o seu consumo  pode aumentar a transpiração.

Acelera o metabolismo: esta propriedade termogénica também promove a aceleração do metabolismo, muito útil para quem quer emagrecer.

Aumenta a libido: o gengibre é um afrodisíaco natural. É recomendado fazer um preparado de gengibre e canela em pó com mel e tomar uma colher todos os dias.

infecções na  garganta: ajuda a tratar infecções e inflamações na garganta, e é muito útil em casos de rouquidão e para limpar a voz de cantores profissionais.

Náuseas e vómitos: é especialmente recomendado nos primeiros meses de gravidez, pois não causa efeitos secundários nem ao feto nem a mãe. Também é um suplemento ideal durante a quimioterapia no tratamento de cancro.

Previne doenças cardiovasculares e favorece a circulação: se estiver a tomar  medicação pode interferir em sua ação, por isso, deve consultar  um médico antes de consumir o gengibre.

Formas de consumir o  gengibre

Raiz crua: podemos ralar a raiz e incluir em receitas e batidos de todo o tipo.

Em pó: O gengibre em pó tem o sabor mais suave e diferente do fresco. Por isso, o gengibre em pó não pode substituir o gengibre cru (em receitas, por exemplo). É muito usado em confeitarias e padarias para fazer bolos, pães, biscoitos e tortas. Também combina com frutas e legumes e faz parte de várias misturas de temperos.

Em infusão: um chá quente de gengibre é ideal para pessoas que sentem muito frio, e ótimo para quem pretende um efeito termogénico para acelerar o metabolismo, queimar calorias, e emagrecer. Também muito eficaz para ajudar a tratar gripes e constipações

Sumo fresco: o gengibre, sem abusos,  permite dar um toque original e medicinal a todo o tipo de sumos naturais como de maçã, abacaxi, cenoura etc.

Óleo essencial: podemos usar o óleo essencial de gengibre para fazer massagens, por exemplo, nos pés frios. Misture com creme hidratante habitual e faça uma boa massagem  nos pés. Em pouco tempo sentirá os pés mais quentes.

Como podemos ver são muitos os usos desta raiz que uns adoram outros odeiam, pelo seu sabor um pouco picante… mas que de facto é benéfico  à saúde não existem dúvidas.

 

7 thoughts on “Benefícios de consumir gengibre

  1. felicidade santos says:

    Adoro gengibre, uso quase todos os dias na confeção das refeições, também gosto mesmo muito de colocar pedacinhos pequeninos na boca!
    Gostei muito deste post, muito completo, beijinho querida Fernanda!!!

  2. Susana Galveias says:

    É o ideal para mim!!! Sou uma friorenta terrível, por isso essa parte dos pés frios vem mesmo a calhar e não fazia ideia! Só conhecia as propriedade do chá. Obrigada por este artigo, é muito esclarecedor. Obrigada <3

  3. ana.agridoce says:

    A minha primeira experiência com chá de gengibre foi completamente desastrada: cortei várias rodelas da raiz e fervi juntamente com a água!!! Mesmo com mel e limão, o sabor era intragável, sabia a lixívia, credo! Penso que ainda não acertei, já fervi a água e deixei o gengibre em infusão uns minutos mas…perdi a coragem. As outras raízes acabaram engelhadas na fruteira.Aceito umas dicas 😉

    • pormenoresblog says:

      De facto o Gengibre é complicado… ou se gosta ou se detesta, e para quem detesta é difícil conseguir beber! sei do que falo porque cá em casa é assim, só eu é que gosto, e mesmo quando tenho o marido constipado e insisto para ele beber é mesmo muito dificil.
      Experimente a misturar com chá verde… é excelente e corta um pouco do seu sabor… pois prevalece o sabor do chá verde. Coloca-se 1 litro de água a ferver com uns pedaços de gengibre, quando levantar fervura desligar o fogão, juntar 3 ou quatro colheres de chá de chá verde e tapar por uns minutos. Coar e beber. Eu faço quase todos os dias e vou bebendo ao longo do dia mesmo frio. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *